Feteerj repudia a prisão de manifestantes no ato contra a venda da Cedae

A diretoria colegiada da Feteerj repudia a prisão de 24 pessoas na manifestação que ocorreu hoje no Centro do Rio contra a venda da Cedae, entre elas 18 estudantes, alguns inclusive menores de idade.

Causa espanto a todos o fato de que as pessoas foram presas por fazerem a coisa certa: lutar para reverter uma votação ilegal na Assembleia Legislativa que aprovou a privatização da Cedae, um serviço público essencial obrigatório por lei, como manda a Constituição.

Errados estão os deputados que aprovaram essa ilegalidade.